Blog da Qualidade Eficaz

Os 10 erros gerenciais mais comuns nas empresas

Erros gerenciais

Qualquer empresário pode cometer erros gerenciais capazes de comprometer o futuro do negócio, o segredo é descobri-los a tempo e redesenhar a empresa e principalmente buscar recursos e opiniões para evitá-los.

Muitos são os empreendimentos que sucumbem nos primeiros anos de vida. Hoje cerca de 27% fecham suas portas no primeiro ano e de 76% no segundo ano de existência. Outros tantos sobrevivem a duras penas.

Na origem do mal que ameaça um empreendimento pode estar um erro, um detalhe esquecido, um pequeno pecado cometido pelo empreendedor e até mesmo percebido, mas sem que a houvesse uma decisão imediata para resolver, protelação.

Admitir que se cometeu um pecado gerencial pode significar a diferença entre progredir ou fechar as portas. Normalmente o orgulho toma conta do empresário e este se blinda até o fim em sua equivocada persistência, sacrificando o futuro da empresa. Mas, apenas perceber que se está incorrendo num erro não é o suficiente. Se há alguma virtude num pecado é que ele pode servir de lição ao pecador e é preciso ter a disposição para se redimir.

 

Confira a seguir os dez erros gerenciais mais comuns:

1. Ser centralizador em demasia. O excesso de controles inibe ideias, restringe iniciativas e criatividade e faz perder agilidade. Normalmente o empresário que centraliza, é indício de falta de confiança na equipe.

 

2. Usar mal o tempo. Planejando adequadamente as tarefas diárias, sobra tempo para pensar sobre a empresa e seu futuro. A falta de planejamento do tempo, está associada em não eleger prioridades do dia e também não delegar tarefas as pessoas com a competência em desenvolvê-las.

 

 

3. Ter visão fragmentada do negócio. Isso dificulta a busca de wordpress/s clientes e novas oportunidades, impedindo a visão do contexto global e das mudanças de tendência. De fato, o empresário sofre dessa miopia por só conviver sua própria empresa, não buscando informações fora dela como o posicionamento do mercado.

 

4. Pensar na empresa olhando só para seu passado. Nada garante que o que deu certo até agora sirva para o futuro. Há um ditado que diz que vitórias do passado não garantem as do futuro. O mundo evolui, assim

como as empresas em meio de um mercado tão exigente, por isso deve-se buscar-se atualizar-se o tempo todo.

 

5. Achar que pode ter sucesso sozinho. É vital saber formar, liderar, motivar e reter equipes e talentos. Um dos piores erros, o de refletir no outro aquilo que você é. Entende-se que cada indivíduo tem sua velocidade, entendimento e competência sobre o negócio. O que resta ao empresário é detectar a competência de cada colaborador para que distribua as atribuições a cada um deles.

 

 

6. Dedicar muitas horas a tarefas operacionais. É pouco produtivo o empreendedor ficar preso a controles rotineiros. A pergunta que o empresário deve fazer a si mesmo é – Quanto custa o seu tempo? É mais adequado delegar as tarefas operacionais para profissionais competentes e com o valor hora menor do que a do empresário.

 

7. Misturar interesses familiares com os da empresa. Esse fantasma ainda perambula por muitas empresas. A contratação de amigos e familiares é proibida para aqueles que desejam prosperar. Geralmente ter familiares na empresa significa ter combate de opiniões e a pseudo sensação do familiar de que tem mais “poder” que os outros.

 

8. Desviar atenção, tempo, esforço e dedicação do foco principal do seu negócio. Foco é foco. Evite trabalhar em muitos projetos ao mesmo tempo, isso desvia o foco e dispersa energia.

 

 

9. Acreditar que já sabe tudo. É fundamental estar aberto a wordpress/s aprendizados e estimular seus colaboradores a atualizarem-se. Aqui orgulho é proibido. Aprenda sempre!

 

 

10. Imaginar que dá para construir uma empresa sem paixão. Esse sentimento deve permear fornecedores, funcionários e clientes. É gente atendendo gente. Onde se tem amor se tem tudo. Ame o que você faz, ame as pessoas e principalmente o amor na dedicação e comprometimento com sua própria empresa.

 

Conheça mais sobre os serviços da X Assessoria clicando aqui.

 

Gostou desse post? Então curta nossa página e compartilhe com seus colegas usando os botões ao lado!!

Deixe também seu comentário sobre o que achou do texto, dúvida e/ou sugestões para outros post´s, pois assim você estará nos ajudando a te ajudar.. 🙂

 

 

2 Comments

  1. Linéia Silva Espindula

    Qual a fonte e data da pesquisa?
    E dados desta publicação para eu poder citar ela em meu TCC?

    1. Gabriela Maria

      Olá Linéia, tudo bem?

      Que ótimo que você gostou.. 😀

      Esse artigo foi elaborado pelo próprio André Bartsch (assinatura no final do artigo, com dados para contato).
      Ele atua com Assessoria em Gestão Empresarial e elaborou o material com base na sua vivência em auxiliar as empresas.

      Abraços,

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *